Design, Indústria

Os eleitos no Prêmio Salão Design 2017

Início do texto

A comissão julgadora do Prêmio Salão Design, um dos mais representativos do setor na América Latina, anunciou a lista de projetos vencedores da edição 2017. Dos 130 projetos finalistas, 11 deles receberão a premiação de troféu e dinheiro nas modalidades Estudante, Profissional e Indústria. Além disso, foram concedidas nove menções honrosas, outros três troféus para Professor Orientador e um prêmio para uso de Madeiras Alternativas.

O júri deste ano foi composto pelos designers Brunno Jahara, Glaucia Binda, Ivens Fontoura, Nicole Tomazi e Paulo Biacchi. Pelo Serviço Florestal Brasileiro, os avaliadores são Fernando Marques e Alexandre Gontijo. Em 2017, os projetos vencedores contemplam estúdios e profissionais do Brasil, Argentina e Uruguai.

A cerimônia de premiação e mostra dos vencedores está marcada para ocorrer durante a feira High Design – Home & Office Expo, de 8 a 10 de agosto de 2017, em São Paulo (SP). O evento integra a programação do DW! São Paulo Design Weekend.

De acordo com o comunicado distribuído à imprensa, a comissão julgadora considerou que a 21ª edição trouxe produtos bem-acabados e revelou novos nomes para o cenário do design latino-americano. Os projetos concorriam em cinco categorias: E-commerce, Espaços Sociais, Espaços Íntimos, Espaços de Trabalho e Inovação em Materiais e Superfícies.

 

Jurados do Prêmio Salão Design 2017: Brunno Jahara, Glaucia Binda, Ivens Fontoura, Nicole Tomazi e Paulo Biacchi, e profissionais do Serviço Florestal Brasileiro

Jurados: Fernando Marques, Paulo Biacchi, Ivens Fontoura, Nicole Tomazi, Brunno Jahara, Glaucia Binda e Alexandre Gontijo

 

Prêmio Salão Design

Conheça os projetos vencedores, com os respectivos pareceres dos jurados para as peças premiadas em 2017. Vale registrar, há categorias nas três modalidades – Estudante, Profissional e Indústria – em que não houve indicação de projetos vencedores. Para mais informações, acesse o site do evento.

 

MODALIDADE ESTUDANTE

Espaços Sociais

Premiado: Biko – desenho de Daniel Ruben Nasajon e Cláudio Freitas de Magalhães. Avaliação: “Eleito o projeto mais inovador da edição 2017, por decisão unânime, por ser um objeto de uso cotidiano, democrático, racional e extremamente comercial”. Cláudio Freitas de Magalhães (PUC-Rio) também levou um dos prêmios como Professor Orientador.

O Biko é um talher em forma de pinça que pode ser usado para alcançar pequenas porções de alimentos (finger foods). É indicado para catering de eventos, comida asiática, queijos e vinhos, petiscos, churrascos, etc. O produto é simples e versátil, fácil de estocar e pode substituir o uso de guardanapos, espetos, garfos e hashis.

Biko – desenho de Daniel Ruben Nasajon e Cláudio Freitas de Magalhães. Vencedor no Prêmio Salão Design 

Espaços Íntimos

Premiado: Planar – desenho de Carolina Rocha e Lúcia Correa. Avaliação: “Qualidade formal e funcional percebida nas diferentes possibilidades de uso. A ideia dos pés magnéticos tem grande possibilidade de industrialização”. O docente José Silva (Udelar, de Montevidéu – Uruguai) levou o Troféu Professor Orientador.

Planar – desenho de Carolina Rocha e Lúcia Correa. Projeto venceu o Prêmio Salão Design 2017

 

Menção honrosa: Versa – desenho de Isabela Fraga Raposo. Marcelo Massaharu (PUC-Rio) ficou com o terceiro troféu de Professor Orientador.

Prêmio Salão Design 2017. Versa – desenho de Isabela Fraga Raposo

 

Espaços de Trabalho

Premiado: Escrivaninha Sobradinho – desenho de Felipe de Carvalho Madeira (UFRJ). Avaliação: “A peça remete à iconografia da casa criando uma mini arquitetura no interior, proporcionando um espaço de trabalho lúdico”. Felipe de Carvalho também recebeu Menção Honrosa nessa categoria com o Cavalete Dobra.

 

Prêmio Salão Design 2017. Escrivaninha Sobradinho e Cavalete Dobra - design de Felipe de Carvalho Madeira (UFRJ)

 

MODALIDADE PROFISSIONAL

Espaços Sociais

Premiado: Linha Ciranda – desenho de Camila Fix, Flávia Pagotti Silva, Rejane Carvalho Leite e Amélia Tarozzo, da Plataforma4 (São Paulo – SP). Avaliação: “A peça surpreende pela multiplicidade de usos. A diversidade de posições e a variação de dimensões permite a interação do usuário graças à boa solução técnica baseada na rotação dos eixos”.

Prêmio Salão Design 2017. Linha Ciranda – desenho de Camila Fix, Flávia Pagotti Silva, Rejane Carvalho Leite e Amélia Tarozzo, da Plataforma4

 

Premiado: Pituki – desenho de Claudio Sibille (Montevidéu – Uruguai). Avaliação: “Ergonomicamente resolvido, o produto apresenta forte apelo comercial possibilitado pela diversidade cromática e empilhamento”.

Prêmio Salão Design 2017. Pituki – desenho de Claudio Sibille (Montevidéu - Uruguai)

 

Menções honrosas: Poltrona Fibra – desenho de Rosina Secondi, Julian San Martin, Victoria Scola e Daniel Appel, do Estudio Claro (Montevidéu – Uruguai). Mesa de apoio Linha Construção – design de Ivan de Sá Rezende (Rio de Janeiro – RJ).

 

Poltrona Fibra – desenho de Rosina Secondi, Julian San Martin, Victoria Scola e Daniel Appel, do Estudio Claro . Projeto vencedor do Prêmio Salão Design 2017 Mesa de apoio Linha Construção – design de Ivan de Sá Rezende. Projeto vencedor do Prêmio Salão Design 2017

 

Espaços Íntimos

Premiado: Club – desenho de Ana Sosa e Guillermo Salhón, do Estudio Diario (Montevidéu – Uruguai). Avaliação: “Proposição de uso do mancebo no mercado brasileiro. Utilização racional da madeira e de seus encaixes em sua composição. As formas orgânicas tornam a peça leve e contemporânea”.

 

Prêmio Salão Design 2017. Club – desenho de Ana Sosa e Guillermo Salhón, do Estudio Diario (Montevidéu - Uruguai), e menção honrosa para armário Pana

 

A dupla do Estudio Diario também recebeu menção honrosa pela peça (armário acima) Pana. Também foram contemplados nessa categoria com a mesma distinção os profissionais do Estudio Claro, pelo conjunto de Mesas Bezel, e Eduardo Borém (Brasília – DF) pelo Cabideiro Manuh.

Menção honrosa aos profissionais do Estudio Claro, pelo conjunto de Mesas Bezel no Prêmio Salão Design 2017

Prêmio Salão Design 2017. Menção honrosa para Eduardo Borém (Brasília – DF) pelo Cabideiro Manuh

 

Espaços de Trabalho

Premiado: Cavalete Split – desenho de Maurício Siquinelli Nakane, Mara Luisa Köber e Ana Carolina Toyama, da Oppa Design (São Paulo – SP). Avaliação: “A proposição de inovação parte do uso racional do material. Apresenta um grande potencial de fabricação”.

 

Cavalete Split – desenho de Maurício Siquinelli Nakane, Mara Luisa Köber e Ana Carolina Toyama, da Oppa Design

 

Inovação em Materiais e Superfícies

Premiado: Biombo V.AZ – desenho de Andrea Bezerra de Carvalho Macruz, da Nolii (São Paulo – SP). Avaliação: “Produto apresenta boa mobilidade, decorrente de seu inteligente sistema construtivo. Suas suaves aberturas transmitem uma ideia de movimento, transformando o objeto em uma peça poética e interativa”.

Menção Honrosa: Doña 3D Print Objetos – desenho de Lucas Ferrera, Doña 3D.COM (Caba – Argentina).

 

Biombo V.AZ – desenho de Andrea Bezerra de Carvalho Macruz, da Nolii, premiado no Salão Design 2017

 

Doña 3D Print Objetos – desenho de Lucas Ferrera, Doña 3D.COM (Caba – Argentina)

 

E-commerce

Premiado: Base Trindade – desenho de Maurício Siquinelli Nakane, da Oppa Design (Ribeirão Preto – SP). Avaliação: “As características projetuais baseadas na simplicidade fazem da peça um projeto adequado para o mercado de venda online. O sistema construtivo favorece a embalagem, o transporte e a montagem, não comprometendo a estética final do produto”.

 

Base Trindade – desenho de Maurício Siquinelli Nakane, da Oppa Design (Ribeirão Preto – SP). Premiada na categoria E-commerce

 

Prêmio Madeiras Alternativas

O Salão Design concede ainda o Prêmio Madeiras Alternativas. Trata-se de uma categoria especial promovida com apoio do Serviço Florestal Brasileiro (SFB), cuja premissa é indicar produtos fabricados com espécies alternativas de madeira brasileira.

Neste ano, o designer Alfio Lisi (Leme – SP) levou o prêmio com a linha de produtos Família Pi, utilizando Muiracatiara Rajada. No parecer dos jurados, eles destacam que o “conjunto valoriza a utilização da madeira alternativa brasileira no design”. Como parte da premiação, o designer terá a oportunidade de conhecer a sede do Laboratório de Produtos Florestais do SFB, em Brasília (DF), e áreas de manejo florestal e processamento de madeira na Amazônia.

 

O designer Alfio Lisi (Leme – SP) levou o prêmio com a linha de produtos Família Pi, utilizando Muiracatiara Rajada

 

MODALIDADE INDÚSTRIA

Espaços Sociais

Premiado: Skyfolding Collection – desenho de Niccolò Adolini e Daniel Simonini, do estúdio Adolini+Simonini para Donaflor Mobília (Londrina – PR). Avaliação: “O bom uso da mistura dos materiais na coleção propõe um sistema componível muito adaptado às áreas externas, mantendo conforto e sofisticação no seu desenho”. Os profissionais e empresa também levaram menção honrosa pela Branch Collection.

 

Skyfolding-Collection-donaflor-mobilia-Espacos-Sociais-premio-salao-design-habitus-brasil Skyfolding-Collection-donaflor-Espacos-Sociais-premio-salao-design-habitus-brasil Branch-Collection-donaflor-mobilia-Espacos-Sociais-premio-salao-design-habitus-brasil
<
>
Skyfolding Collection, do estúdio Adolini+Simonini para Donaflor Mobília

 

Espaços Íntimos

Premiado: Linha Canguru – desenho de Isabela Vecci, da Vecci e Lansky Arquitetura para Líder Interiores (Carmo do Cajuru – MG). Avaliação: “O acabamento impecável da madeira e do couro conferem às peças sofisticação e posicionamento de mercado”.

Linha Canguru – desenho de Isabela Vecci, da Vecci e Lansky Arquitetura para Líder Interiores (Carmo do Cajuru – MG)

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com