Arquitetura, Indústria

Casacor 2018: Ambientes autorais, elegantes e naturais

Início do texto

A natureza está cada vez mais presente nas moradias e a busca por conforto, personalização e diferentes efeitos estéticos acompanha essa tendência. Essas percepções ficam ainda mais claras na principal mostra de decoração e arquitetura do país, a Casacor. O tema escolhido para 2018 – Casa Viva – também reforça essa importância da relação entre o homem e a natureza, e todos os elementos que promovam bem-estar.

Em nosso passeio pelas mostras de São Paulo e Paraná, selecionamos projetos que replicam diferentes tendências do morar. Os ambientes fazem uso de painéis de madeira para criar diferentes sensações ao reproduzir o desenho de madeiras, pedras e tecidos. A seleção contou com ajuda de profissionais da Schattdecor – especialista em impressão de papéis decorativos para painéis de madeira e pisos. Entre seus clientes, estão fabricantes como Arauco, Berneck, Duratex, Eucatex e Guararapes.

Na maior parte dos ambientes, plantas e árvores também dividem espaço com móveis, obras de arte e objetos. A ideia é sempre oferecer aconchego e tranquilidade para os interiores. A proposta de fazer da casa um refúgio sensorial também foi a opção da maioria dos profissionais. Com isso, os recursos tecnológicos foram deixados em segundo plano.

Em São Paulo (SP), a mostra está aberta ao público até dia 31 de julho no Jockey Club paulistano. Em Curitiba (PR), a Casacor encerra em 1º de julho, na Mansão na Rua Sergio Pereira da Silva.

 

Ambientes na Casacor fazem uso de painéis de madeira para criar diferentes sensações ao reproduzir o desenho de madeiras, pedras e tecidos

 

CASACOR 2018 – TENDÊNCIAS DO MORAR

Apostando em superfícies que reproduzem a madeira e outros elementos naturais, além de cores e diferentes elementos, arquitetos e designers exploraram uma vasta coleção de painéis de madeira. É o que explica Sandra Mohr Ludwig, Gerente Executivo Comercial da Schattdecor na América Latina. “As demandas dos moradores dos grandes centros urbanos estão refletidos em diferentes temas, que conversam entre si e mostram quais são as tendências atuais. Não há uma única visão e tudo se aprofunda em diferentes estilos de vida, design, materiais e cores”.

Como exemplo, Sandra cita os quatro grandes temas levantados pela companhia para desenvolver seu livro de tendências e coleção de decors. Veja mais detalhes do Trendbook 2018.

Smart Home. O mundo digital desencadeia o desejo de autenticidade e conforto, e o destaque nos interiores vai para cores de madeira clara e estruturas de pedra. Leia o post decor genuíno.

Community Zone. Cores naturais, tons quentes de marrom e rusticidade leve ganham importância nesse tema. Proposta é criar espaços individuais e coletivos de acordo com as necessidades de cada morador. Leia o post coabitação e viver sustentável.

Ageless Living. Essa decoração traz um estilo elegante, moderno, atemporal e que agrada a pessoas de todas as idades. Destacam-se texturas sofisticadas de pedras, superfícies metálicas e tons escuros de madeiras, como o carvalho e a nogueira, em acabamentos foscos. Leia o post design atemporal e flexível.

Micro Housing. No campo das micro habitações, além de móveis e ambientes multifuncionais, os cômodos pedem materiais sutis e materiais alinhados a uma maior naturalidade. Leia o post moradias compactas exigem novos móveis.

 

Painéis de madeira promovem bem-estar na Casacor

Na Casacor Paraná, Renata Fraidg e Nadya Badotti assinam o Banheiro da Debutante, onde a paleta cinza se sobressai. No revestimento das paredes e bancada de maquiagem está o padrão Santorini, reproduzindo o aspecto de cimento queimado. O Lavabo Essencial, de Priscila Mileke e Laryssa Rocha, também aposta nos painéis para revestir as paredes. A dupla investiu no padrão madeirado Savana para dar um ar de aconchego e fazer uso de materiais sustentáveis.

 

No revestimento do banheiro está o padrão Santorini, que reproduz cimento queimado. Padrão da Guararapes / Schattdecor na Casacor

Lavabo Essencial, de Priscila Mileke e Laryssa Rocha, na Casacor PR. Projeto aposta nos painéis de madeira no padrão madeirado Savana, da Guararapes

 

A criação de um espaço lúdico para crianças foi a aposta de Neliza Ferraz e Nathália Silva na Casacor PR. Entre os diferentes painéis de madeira, simulando áreas de montanha e natureza, destaque para os padrões Rosa Milkshake, Santorini e Savana. Este último, por exemplo, traz o aspecto de madeira natural para o espaço.

 

Espaço lúdico na brinquedoteca da Casacor PR traz os padrões Rosa Milkshake, Santorini e Savana, da Guararapes / Schattdecor

 

O padrão Savana também está presente na Casacor São Paulo, no ambiente Casa Terra assinado por Paola Ribeiro. O projeto tem como proposta o acolhimento dos moradores e os painéis revestem o teto da casa – “abraçando” as duas árvores existentes em seu interior. Os 160 m², distribuídos em cozinha gourmet, living, jantar e terraço com jardim, criam uma grande sensação de bem-estar. A incidência de luz natural, paisagismo e integração com o jardim, além da mistura de texturas e matérias-primas também ajudam nessa proposta.

 

O padrão Savana também está presente na Casacor São Paulo, no ambiente Casa Terra assinado por Paola Ribeiro

 

Já o conforto e mix de materiais, sobre uma base neutra, marcam o projeto da designer Katleen Luizaga. A Livraria da Casacor PR foi inteiramente produzida com os painéis Baviera e Grafite, da Guararapes. A presença de metais e pedras, assim como móveis selecionados, também garante um toque exclusivo ao ambiente.

 

A Livraria da Casacor PR foi inteiramente produzida com os painéis Baviera e Grafite, da Guararapes

 

Marcenaria traz conforto e sofisticação aos projetos

Após adquirir a Masisa do Brasil, a marca Arauco expôs lançamentos e produtos de seu portfólio na Casacor Paraná. Em geral, os painéis de madeira ganharam protagonismo nos ambientes de arquitetos e designers parceiros. Cores, desenhos e veios da madeira, que são detalhes exclusivos em cada desenho, ajudam a promover personalidade e conforto.

Com a proposta de um décor sofisticado para momentos de lazer, o arquiteto Eduardo Mourão apostou no revestimento das paredes do Bistrot & Bar Arauco. O padrão escolhido foi o lançamento Norus.

 

Arquiteto Eduardo Mourão apostou no padrão Norus para revestir as paredes do Bistrot & Bar Arauco na Casacor PR

 

No Lounge da mostra, Viviane Loyola trouxe uma fina marcenaria e as paredes revestidas trazem acabamentos com o padrão Gris Chess e ripado com o padrão Truffel. A proposta, diz a profissional, é que painéis contrastem com o mobiliário de tecidos claros e a paleta cinza. “Isso torna o ambiente mais luxuoso e acolhedor ao mesmo tempo”, afirma.

 

No Lounge da Casacor, Viviane Loyola trouxe uma fina marcenaria e as paredes revestidas com o padrão Gris Chess e ripado com o padrão Truffel

 

O painel ripado também se faz presente no teto e parede do ambiente Balcony, da arquiteta Carla Grüdtner. Com o padrão Castanho, ela explora o contraste com o cogobós de concreto. Móveis de design, como o balanço Pêndulo de Ruy Ohtake para a Tidelli, também estão presentes.

 

Painel ripado também se faz presente no teto e parede do ambiente Balcony, da arquiteta Carla Grüdtner, com o padrão Castanho, da Arauco

 

Novos estilos de vida para contemplar

Combinar cores e madeira também ajuda a criar uma proposta sofisticada para os interiores. O projeto de Barbara Gomes e Giulliana Pinhero Savioli, do Studio 011 Arquitetura, é um exemplo. Com 80 m², o projeto combina o tom cinza com a rusticidade dos painéis no padrão Nogueira Cadiz, da Duratex.

 

Combinar cores e madeira ajuda a criar uma proposta sofisticada. Studio 011 Arquitetura combina o tom cinza com a rusticidade do padrão Nogueira Cadiz, da Duratex, na Casacor SP

 

Já a integração da madeira com o paisagismo ganha espaço no ambiente Tea Lab, de Steffi Kaufman e Patrícia Bacelar. As formas assimétricas dos galhos das árvores, produzidos com painéis no padrão Carvalho Hanover, abrigam um jardim vertical natural com sistema hidropônico. São combinadas diversas espécies, incluindo ervas utilizadas nos chás servidos no espaço.

 

A integração da madeira com o paisagismo ganha espaço no ambiente Tea Lab, na Casacor SP. Painéis no padrão Carvalho Hanover ajudam a criar um jardim vertical

 

A conexão com a natureza e o rudimentar acontece ainda das mais variadas formas. Em especial, no projeto Casa Munir, de Fernanda Morais, Fernanda Tegacini e Nathalia Mouco, da Très Arquitetura. Com 56m² e áreas íntimas, de living e jantar, o espaço mostra que os limites entre interior e exterior estão menos rígidos. A paleta de cores, com tons neutros, além de latão e terra, torna a decoração equilibrada e convidativa. Aqui, destaque para o painel madeirado no padrão Larnaca – aplicado em móveis e revestimentos de parede e teto.

 

Na Casa Munir, da Très Arquitetura na Casacor SP, áreas íntimas, de living e jantar, se harmonizam. projeto traz painéis de madeira no padrão Larnaca, da Duratex / Schattdecor

 

Madeira rústica e natural sempre encanta

A mistura do rústico com um ar sofisticado também marca outros projetos na Casacor Paraná. Entre eles está o ambiente Jardim de Inverno, do arquiteto Leonardo Gazzale e a urbanista Karine Muller. Nichos organizadores com o padrão Riviera, semelhante ao desenho da madeira de demolição, combinam com a naturalidade da parede de pedra e o jardim vertical.

 

No Jardim de Inverno da Casacor PR, nichos organizadores com o padrão Riviera combinam com a naturalidade da parede de pedra e o jardim vertical

 

A madeira, com todas as nuances de seus desenhos e tonalidades, também encanta outros profissionais. No banheiro das Crianças, Rikelly Wolter revestiu parte do teto e criou nichos organizadores com o padrão Itapuã. O projeto traz ainda uma paleta rosa e cinza. Clássico, esse padrão da Duratex também foi a escolha da arquiteta Alessandra Gandolfi para a Suíte de Hóspede. Os painéis de madeira garantiram o requinte e acabamento às paredes do espaço.

 

No banheiro das Crianças, Rikelly Wolter revestiu parte do teto e criou nichos organizadores com o padrão Itapuã, da Duratex / Schattdecor

Na Suíte de Hóspede, na Casacor SP, os painéis de madeira garantiram o requinte e acabamento às paredes do espaço. Padrão Itapuã, da Duratex / Schattdecor

 

Na Loja da Casa, assinado pelo escritório 4F Interiores, o ambiente traz uma arquitetura contemporânea. Além da ideia de cimento queimado, o revestimento das paredes, teto e nichos trazem os painéis para criar uma atmosfera agradável. Aqui, a escolha foi pelo padrão Gepeto, que traz um desenho com mosaicos de madeira.

 

Revestindo paredes, teto e nichos, o padrão Gepeto, da Duratex, traz um desenho com mosaicos de madeira

 

Interiores quentes, naturais e sustentáveis na Casacor

A principal mostra de arquitetura e decoração do país solicitou que os profissionais apresentassem a casa como um organismo vivo. Assim, os espaços trouxeram a casa como um refúgio, oferecendo conforto, áreas de convivência, estilo e contemplação da natureza. Com padrões e desenhos que traduzem e evidenciam essas características, muitos painéis de madeira ganharam destaque.

O projeto de Debora Aguiar, na Casacor SP 2018, promove a convivência por meio de espaços integrados e vários pontos de visão para o jardim, os quais permitem a entrada de luz natural. A seleção de móveis, elementos decorativos e paleta de cores, ganha ainda a companhia dos painéis de MDF no forro, no padrão Nogueira Alva, da Duratex. Eles ajudam a aquecer o ambiente, deixando-o mais aconchegantes.

 

Os móveis, elementos decorativos e paleta de cores, ganha a companhia dos painéis de MDF no forro, no padrão Nogueira Alva, da Duratex, no projeto de Debora Aguiar na Casacor SP

 

Para recolocar a casa como protagonista nas representações de afeto e aconchego, Patrícia Hagobian apostou em formas mais orgânicas e painéis de madeira. O padrão escolhido: Riviera. Junto com a iluminação e paleta de cores, esse padrão propicia um interior calmo e elegante ao Loft Amour.

 

Para recolocar a casa como protagonista nas representações de afeto e aconchego, Patrícia Hagobian apostou em formas mais orgânicas e painéis de madeira. O padrão escolhido: Riveira

 

O Recinto do Bosque, de Gabriel de Lucca, também aposta no padrão Riviera para combinar a atmosfera clean do estilo escandinavo com traços minimalistas. Em formato de U, esse banheiro recebeu revestimento de MDF em toda a sua extensão. Osvaldo Tenório, na Cisterna Deca, criou um décor clássico para destacar produtos da marca e chamar atenção para o uso racional da água. O espaço, que também traz painéis da linha Santorini no forro, confere equilíbrio com a ornamentação de pedras e metais.

 

Recinto do Bosque, de Gabriel de Lucca, aposta no padrão Riviera para combinar a atmosfera clean do estilo escandinavo com traços minimalistas

Osvaldo Tenório, na Cisterna Deca, criou um décor clássico para destacar produtos da marca e chamar atenção para o uso racional da água. Espaço traz painéis da linha Santorini no forro

  •  
  • 14
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

Specify Facebook App ID and Secret in Super Socializer > Social Login section in admin panel for Facebook Login to work

Specify GooglePlus Client ID and Secret in Super Socializer > Social Login section in admin panel for GooglePlus Login to work

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Matérias Relacionadas

  • Arauco do Brasil na Casa Cor Pernambuco

    Arquitetura - Marcenaria

    Arauco do Brasil na Casa Cor Pernambuco

    View more
  • Casa Viva será o tema da Casa Cor 2018

    Arquitetura

    Casa Viva será o tema da Casa Cor 2018

    View more
  • Como nasce o decor que reveste móveis e pisos?

    Schattdecor

    Como nasce o decor que reveste móveis e pisos?

    View more
  • Ageless Living! Não há limites para a idade

    Tendências - Schattdecor

    Ageless Living! Não há limites para a idade

    View more