Comportamento

Mercado de luxo: Atraia clientes com personal branding

Início do texto

O termo Personal Branding é tido cada vez mais como algo indispensável para a gestão de nossas carreiras ou negócios. Isso independe da sua idade e se você é empreendedor, celebridade, arquiteto ou gestor de equipes. Na verdade, essa gestão de marca pessoal tem sido utilizada para que profissionais e marcas, sobretudo no mercado de luxo, criem diferenciais.

A proposta de conectar-se com o seu público de maneira mais humana e autêntica, além de crescer a rede de contatos são outros atrativos dessa gestão. É importante ressaltar que visibilidade e reconhecimento não acontecem de maneira imediata. Mas, a dinâmica de mercado e o aumento das conexões online estão refletidas nesta mudança.

Para entender essa mudança e os reflexos no mercado, convidamos o especialista Adriano Tadeu Barbosa para detalhar esse cenário do Personal Branding. Sua carreira é pautada em consultorias, palestras, aulas e conteúdos sobre marketing pessoal e mercado de luxo.

Parte dessas percepções estão sendo compartilhadas pelo profissional em uma série de palestras pelo país, a convite da Arauco do Brasil nas lojas Bontempo – Móveis Personalizados. “Tenho levado uma reflexão atualizada sobre os movimentos que o mercado de luxo nos proporciona e a forma como especificadores, principalmente arquitetos e designers, podem utilizar para se posicionar nas redes sociais. Afinal, elas são nossas principais vitrines de negócios de rápida interação”, conta Adriano.

 

Adriano Tadeu Barbosa é consultor e palestrante sobre marketing pessoal e mercado de luxo

 

Tendências e estilo de vida

Segmentar um mercado, mesmo quando falamos em luxo, consiste em separar os potenciais consumidores em grupos, de forma que a necessidade a ser atendida tenha características semelhantes.

Para Adriano Tadeu Barbosa, a compreensão do estilo de vida e movimentos à cerca dos interiores são fatores importantes a serem observados. “O que eu faço é ler as últimas feiras e movimentos que fizeram parte delas. Temos o ‘silêncio’, retratado na Maison & Object de Paris [França], e o ‘conforto’ refletido em Cologne [Alemanha], por exemplo”.

“Ambas trouxeram a reflexão sobre a nossa correria diária e lifestyle mais urbano, conectado e globalizado, indicando o desejo de um lar que permita desacelerar, desconectar e viver momentos únicos e simples, ao lado de pessoas que amamos, nossa família e amigos”.

 

Pesquisas indicam o desejo de um lar que permita desacelerar, desconectar e viver momentos únicos e simples

 

Desde então, acrescenta Adriano, é importante olhar para as cores e materiais que remetem a esta desaceleração desejada pelos consumidores. As cores que, hoje, fazem parte dos projetos de arquitetura, são: azul, verde, tons escuros, terrosos e o millennial pink. Já os materiais estão voltados à madeira natural, concreto e metais, e se destacam projetos com transparência, geometria e proximidade com a natureza.

Esta proposta, resultado da busca pelo conforto, segurança e experiências, vem sendo traduzida pelo mercado de luxo em seus produtos e serviços.  “É o nosso estilo de vida que tem despertado o interesse das grandes marcas de luxo, presentes em todo mundo. Pois, usualmente, queremos compartilhar bons momentos em nossas redes sociais. E elas tem sido uma forma eficaz de comunicação das marcas com seus clientes”, detalha o consultor.

 

Orientação de Adriano Tadeu Barbosa para os especificadores é observar as melhores práticas dos grandes grupos de luxo e replicar em suas realidades

 

Redes sociais e personal branding

Mas trabalhar novos conceitos de negócios, explorar mercados e estabelecer maneiras eficazes de construir uma imagem, tecendo uma relação direta e singular com os clientes, exige a construção de uma reputação nas redes sociais. Essa visão atende empresas e profissionais.

Confira o pensamento de Adriano Tadeu Barbosa sobre o assunto.

Se em um passado distante a propaganda era a alma do negócio, atualmente, a capacidade de se comunicar com o público assumiu esse papel. Em uma sociedade permanentemente conectada, contar com a aprovação dos internautas, é cada vez mais importante.

As marcas sabem que nas redes sociais conseguem atingir seu público e por isso têm investido pesado nesta comunicação. Mas isso se faz estrategicamente, com presença de histórias reais dos próprios criadores, e de consumidores trendsetters, que ditam tendências de comportamento. Também com artistas reconhecidos, trazendo suas influências para um determinado estilo de vida.

Não vemos grandes influenciadores contando falsas histórias na propaganda ou em suas redes sociais. Ao contrário. Cada vez mais, eles expõem os bastidores de suas vidas agitadas em busca de maior interação com seu público, muitas vezes distribuídos pelo mundo, mas que viram seguidores fiéis.

 

Adriano Tadeu Barbosa leva reflexão sobre os movimentos do mercado de luxo e a forma como especificadores podem se posicionar nas redes sociais

 

Mercado de luxo e lifestyle 

A orientação do consultor para os especificadores é observar as melhores práticas dos grandes grupos de luxo e replicar em suas realidades. “É preciso despertar e promover a interação do seu público ao lifestyle vivido por cada profissional ou marca. Isso permite aumentar consideravelmente o impacto do trabalho e o interesse do cliente”.

Mas Adriano, que também é fundador e publisher do portal Ponto Pessoal, faz um alerta: “Como consumidores, não queremos ver somente os projetos que são desenvolvidos nos campos de arquitetura e decoração. Desejamos saber onde eles se inspiram, buscam referências ou o que estão consumindo”. “Somos seres curiosos e adoramos saber da vida de quem acompanhamos. Por isso, as redes sociais têm feito tanta diferença na venda pessoal”.

Esse trabalho, acrescenta o consultor, exige estratégia. “Não é somente mostrar nosso lifestyle, sem uma organização prévia. É preciso saber o que postar e o que virá depois do post. Além, é claro, de saber interagir nas diferentes redes sociais. É preciso ainda incentivar os seguidores a fazerem parte dos nossos momentos, nos comentários ou histórias compartilhadas”.

Para Adriano Tadeu, este é o principal ponto a ser considerado. Como contar uma história real e que desperte interesse nos seguidores?

A dica dele é estudar o que seu público gosta e como essa interação se volta ao trabalho. “Um olhar atento e paciente é o que irá refletir no sucesso deste trabalho de evidenciar o que de melhor você faz”. Ele prossegue: “A grande virada é transformar você em um produto e marca de sucesso, único no mercado. Torne-se uma pessoa pública e profissional. Retrate seu estilo de vida, real, e associe-se a marcas e outras pessoas únicas no espaço onde atua. Afinal, somos a média das cinco pessoas das quais nos relacionamos”.

 

No mercado de luxo e outros, Adriano Tadeu conta que o importante é contar uma história real e que desperte interesse nos seguidores

 

 

Para refletir!

Encerrando sua análise, o consultor de marketing pessoal sugere que os profissionais reflitam porquê seguem determinadas marcas e pessoas, e entendam que se isso acontece é porque se inspiram no estilo de vida que eles têm ou proporcionam. “No inconsciente, muitos desejam viver o que é vivido por esses profissionais”.

“Esta é uma boa inspiração para se transformar em uma marca desejada e igualmente ‘cara’ no mercado”, diz Adriano. “As redes sociais são uma ótima vitrine e devem retratar a sua melhor versão, sempre em histórias reais. Pensando nos seus clientes, é hora de contar para eles e traduzir as tendências do mundo na sua área. Sempre com uma comunicação exclusiva e desejável por todos”.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Matérias Relacionadas

  • Inspirações e Percepções para um móvel personalizado

    Comportamento - Arquitetura

    Inspirações e Percepções para um móvel personalizado

    View more
  • O futuro é urbano! Tendências 2018/19 Heimtextil

    Tendências - Indústria

    O futuro é urbano! Tendências 2018/19 Heimtextil

    View more
  • Trendbook 2018 detalha os diferentes estilos de vida

    Tendências - Schattdecor

    Trendbook 2018 detalha os diferentes estilos de vida

    View more
  • Smart Home exige decor genuíno

    Arquitetura - Indústria

    Smart Home exige decor genuíno

    View more