Indústria

O design criativo da Noos para os móveis infantis

Início do texto

Pensar o mundo a partir da perspectiva infantil e, ao mesmo tempo, criar móveis que não destoem do estilo da casa. Essa é a proposta por trás das peças da Noos, marca criada pelos designers Karina Schrappe Sucre e Eduardo Sucre. A combinação do aspecto lúdico, funcionalidade e conforto são outros pontos presentes, garante o casal. A linha de mobiliário é predominante, mas a empresa também conta com brinquedos e acessórios de decoração.

Foi com o nascimento do primeiro filho que os profissionais notaram a falta de produtos nacionais, pensados a partir da perspectiva das crianças, ergonômicos e com design contemporâneo. “Ficávamos chocados com aqueles móveis e brinquedos de plástico. Além do quesito estético e durável, eles iam totalmente contra ao nosso estilo de vida e aos princípios que queríamos passar para nossos filhos”, contam. “Foi aí que entendemos que havia um nicho de mercado a ser explorado”.

A solução? Criar as próprias peças! Assim, em 2016, eles fundaram a Noos utilizando técnicas da marcenaria tradicional de encaixe.

O painel multilaminado de madeira, trabalhado com cola atóxica (E1), foi a escolha da empresa para compor os móveis. Fabricados com exclusividade no Brasil, o produto segue padrões de qualidade e segurança europeus, que permitem a presença de no máximo 0,75 ppm de formaldeído por painel. Segundo os empresários, a norma não existe em nosso País. “A preocupação era encontrar um material de baixo impacto ambiental e que não fosse nocivo à saúde da criança”.

Já no que diz respeito ao design, a ideia, segundo eles, sempre foi a de obedecer à anatomia infantil. “Ao mesmo tempo, queremos permitir que os pequenos conheçam um pouco mais da riqueza do País, por meio de referências da fauna e flora brasileira”, detalha Karina.

 

Arquitetos e designes, Karina e Eduardo Sucre, da Noos, criam móveis ergonômicos e lúdicos pensados a partir da perspectiva das crianças

 

Cuidados ao projetar móveis infantis

As peculiaridades do design infantil – veja detalhes neste post -, e as pesquisas envolvendo os estágios de crescimento das crianças são o ponto de partida dos móveis. Afinal, elas se movimentam muito mais livremente e estão mais suscetíveis a se machucarem.

“Quando começamos a desenhar para o público infantil, a primeira ação que tivemos foi chamar os filhos, sobrinhos e amiguinhos de todas as idades. O objetivo era medir os pontos-chaves do corpo, em diferentes idades, antes de iniciar o desenvolvimento dos produtos”.

Segundo os designers, há diversos pontos a serem observados. Entre eles, a proporção entre o assento e o cotovelo, para que apoiem corretamente o lápis ao desenhar na mesa. A possibilidade de estender ao máximo a vida útil dos produtos, a interpretação e a interação delas com as formas e os objetos também devem ser levados em consideração.

“Quando a criança está confortável, ela se concentra melhor, aprende mais e estimula a postura correta”, afirma Eduardo. A Noos conta ainda que todos os produtos com certificação compulsória passam por testes de segurança e têm o Selo de Conformidade do Inmetro.

O Moisés Balancinho Noos é um exemplo de mobiliário que acompanha o crescimento da criança. O que gera economia e também memórias afetivas. Multifunção, ele vira uma sofá de balanço para o cantinho de leitura da garotada.

Design lúdico é marca da Noos

As primeiras peças desenvolvidas pela dupla foram a mesa, a cadeira e o banquinho do conjunto Mesa de Atividades. O objetivo era criar um conjunto que “conversasse” com o mobiliário da sala de estar da família, mas que também incentivasse a autonomia e a coordenação motora das crianças. Era preciso incentivar que elas pudessem se sentar sozinhas, com conforto e segurança, a partir dos seis meses. A proposta segue princípios do método educacional montessoriano.

“Queríamos que os nossos filhos crescessem em um ambiente para desenvolver suas habilidades confortavelmente ao nosso lado. Seja desenhando, brincando ou aprendendo”, pontua Karina. O conjunto da Noos ainda tem pezinhos que permitem que os móveis acompanhem o desenvolvimento das crianças. Isso aumenta a vida útil das peças em até oito anos, sem que haja perda da ergonomia.

 

Noos foi premiada pelo Cadeirão Click no Prêmio Museu da Casa Brasileira, com Menção Honrosa

 

O cadeirão Click foi o segundo móvel infantil projetado por Karina e Eduardo Sucre. Dessa vez, convidando a criança a sentar-se à mesa com os pais, sem interferir na estética do ambiente. Os encaixes aparentes proporcionam uma montagem simples e intuitiva. Enquanto o recorte da lateral traz um aspecto mais descontraído. A bandeja removível também aumenta a vida útil do cadeirão, que pode ser usado até os sete anos de idade.

Esses detalhes fizeram com que o produto alcançasse premiações internacionais, como a categoria Iron no A’ Design Award 2018, além de uma menção honrosa pelo Museu da Casa Brasileira em 2017. Veja a matéria completa dos ganhadores da 31ª edição do MCB aqui.

 

Processo criativo em família

Dados os primeiros passos, o desenvolvimento dos produtos da marca foi ocorrendo naturalmente. “Nós dois adoramos criar, inventar, explorar, sentar no chão e brincar mesmo. Então entramos na brincadeira de criar com e para nossos filhos. Quando nos demos conta já tínhamos uma linha de produtos que encantava a todos que visitavam nossa casa.”

Apesar de nova no mercado – dois anos de operação -, a Noos é fruto da experiência de Karina e Eduardo. O casal se conheceu enquanto estudavam arquitetura e artes plásticas na Rhodeo Island School of Design, nos EUA. Em 2000, após a faculdade e projetos no exterior, retornaram ao Brasil e criaram o Studio Sucre. A dupla foi responsável pelas primeiras lojas da Nike no País, inclusive com a criação de mobiliário.

Hoje, se dedicam integralmente à Noos, com um estúdio que fica no quintal da casa. “Nossos filhos entram e saem do estúdio livremente. Adoram criar suas próprias invenções e se envolver no processo criativo das peças”. Os designers explicam ainda que ao desenvolverem um protótipo deixam a peça por algumas semanas com as crianças. Neste tempo observam de perto a reação e a forma de interação deles com o produto.

“A Borboleta Balanço Tiba, por exemplo, rendeu muitas risadas até encontrarmos a curva perfeita entre o divertido, o exagerado e o seguro. Em geral, o nível de risadas e o tempo de interação com o produto são bons indicadores do sucesso do projeto”, citam. Fabricada com lâminas de madeira e depois esculpidas em CNC de cinco eixos a partir de tecnologia de fabricação digital, a Tiba é um dos interessantes desenhos da Noos. São linhas orgânicas e delicadas que lembram as asas de uma borboleta.

 

Karina Schrappe Sucre e Eduardo Sucre comandam a Noos, dedicada à fabricação de móveis e acessórios para crianças

 

Noos: Jacaré ou nave espacial?

Também é interessante observar a maneira como cada criança interpreta as formas dos móveis e brinquedos da marca. “A criança traz um mundo de imaginação só dela. Nem sempre o que nós imaginamos é traduzido ao pé da letra no universo infantil”. Um exemplo é o Jac’n Roll, um banco / carrinho em forma de Jacaré, com rodízios de 360 graus.

“Segundo as crianças, ele já foi lagarto, rato e sapo. Sobem duas crianças juntas, uma puxa a outra, já foi carrinho de bate-bate, já foi nave espacial que desliza pelo espaço. Ele se transforma em cada nova aventura e com cada criança que entra em contato com ele”, detalha Eduardo.

A estante de livros Cori é outra peça que chama atenção por seu desenho. Com um simples detalhe remetendo à cabeça de uma cobra em uma de suas pontas, transforma o que seria apenas um móvel em um personagem do mundo infantil. Assim como uma cobra, a Cori pode ficar tanto no chão quanto “subir” pelas paredes.

Adotando apenas a madeira natural e o branco no início dos trabalhos, a dupla lança em 2018 uma nova paleta de cores. “Com uma gama maior de acabamentos, as peças vão ficar ainda mais divertidas”, acreditam os designers. No segundo semestre deste ano, Noos lançará ainda uma coleção de brinquedos – já em fase de prototipagem.

Hoje, a empresa comercializa 15 itens, entre móveis e acessórios, como mesa, cadeira de alimentação, moisés, estante e balanço. É possível ter acesso aos produtos da Noos na loja online da marca ou pelo site da Boobam.

 

Noos, de Karina e Eduardo Sucre, fabrica móveis a partir da perspectiva das crianças. Peças são lúdicas, ergonômicas e com design contemporâneo

  • 242
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Matérias Relacionadas

  • Cia do Móvel: design para o público infantil

    Indústria

    Cia do Móvel: design para o público infantil

    View more
  • Prêmio Design MCB divulga ganhadores da 31ª edição

    Design

    Prêmio Design MCB divulga ganhadores da 31ª edição

    View more
  • Concreto em móveis, luminárias e peças de design

    Arquitetura - Design

    Concreto em móveis, luminárias e peças de design

    View more
  • Sentidos em evidência nos acabamentos da Sayerlack

    Arquitetura - Marcenaria

    Sentidos em evidência nos acabamentos da Sayerlack

    View more